Seu navegador tentou rodar um script com erro ou não há suporte para script cliente
Seja bem-vindo(a)!
15 de Dezembro de 2017
Início do conteúdo
Você está em: Home > Comunicação > Notícias > Atendimento presencial do IPVA em Porto Alegre tem novo endereço

Atendimento presencial do IPVA em Porto Alegre tem novo endereço

Prédio SEFAZ
O atendimento passa a ocorrer na Central de Atendimento ao Contribuinte, situada no prédio da Secretaria da Fazenda. - Foto: SEFAZ RS

Em mais uma ação para centralizar seus serviços e garantir eficiência no atendimento aos contribuintes, a Receita Estadual anunciou, nesta sexta-feira (1), a mudança do local de atendimento presencial relacionado ao IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) em Porto Alegre. Com a medida, a Agência IPVA, localizada na Rua 24 de Outubro, nº 844, encerra suas atividades já na próxima segunda-feira (4). A partir dessa data, o atendimento relacionado ao tributo passa a ocorrer na Central de Atendimento ao Contribuinte, situada no prédio da Secretaria da Fazenda (Rua Siqueira Campos, nº 1.044 - Centro), onde já são realizados diversos outros procedimentos relacionados ao ICMS, por exemplo.

Segundo Mario Luis Wunderlich dos Santos, subsecretário da Receita Estadual, a centralização dos serviços em um único local é uma das estratégias da atual gestão na área do atendimento ao público. “As demandas dos contribuintes poderão ser cumpridas de forma mais rápida e eficiente”, afirma.

As dúvidas referentes ao IPVA continuarão sendo atendidas por meio do “Plantão Fiscal Virtual”, serviço online disponível no site da Receita Estadual. Informações complementares também estão disponíveis no site do IPVA. Além disso, cumpre esclarecer que o atendimento não engloba questões referentes a cadastros de veículos, licenciamentos e multas de trânsito. Tais assuntos devem ser tratados diretamente com o Detran-RS e CRVA’s (Centros de Registro de Veículos Automotores).

 

MELHOR PARA O CONTRIBUINTE, MELHOR PARA A GESTÃO

As recentes iniciativas de centralização também vêm gerando reflexos positivos nos processos internos da Subsecretaria. A reorganização do trabalho e uma melhor distribuição das pessoas são alguns dos benefícios obtidos por meio da especialização e da padronização dos serviços. “Em última análise, essas modernizações nos permitem liberar mais força de trabalho para atuar diretamente no combate à sonegação e na cobrança de devedores”, destaca Wunderlich.

Compartilhar:
Comentários